Fórum da Liberdade: “Brasil: aberto para reformas?”

O tema do Fórum da Liberdade, promovido pelo Instituto de Estudos Empresariais (IEE), está definido. O evento, que acontece nos dias 8 e 9 de abril de 2019, terá a temática principal “Brasil: aberto para reformas?”. Reconhecido internacionalmente como o maior evento de debates da América Latina pela Forbes, o encontro ocorrerá no Centro de Eventos da PUCRS, em Porto Alegre/RS. As inscrições estarão disponíveis a partir do dia 7 de fevereiro, por meio do site www.forumdaliberdade.com.br.

“O resultado das urnas na última eleição deixou ainda mais claro o clamor popular por mudanças. Ao mesmo tempo, o pensamento liberal nunca esteve tanto em evidência, questionando a histórica tendência brasileira ao estatismo. Diante deste cenário, o tema desta edição busca fomentar um debate qualificado e plural sobre o futuro do Brasil. Queremos ir além da discussão sobre reformas estruturais e questionar o quanto estamos abertos à mudança, para alcançarmos um País mais livre e próspero. Queremos instigar a reflexão sobre a nossa responsabilidade enquanto indivíduos e acerca do peso das nossas escolhas, no exercício do papel de cidadãos, para a construção do legado que deixaremos às futuras gerações. Para isso, contaremos com palestrantes de renome nacional e internacional, que nos auxiliarão nesse processo, compartilhando experiências e conhecimentos durante os dois dias de evento”, afirma a presidente do IEE, Giovana Stefani.

Sobre o IEE

O Instituto de Estudos Empresariais foi fundado em Porto Alegre há mais de 30 anos por 20 integrantes. A entidade tem como intuito a formação de jovens lideranças empresariais que se comprometam com um modelo de organização social e política para o Brasil baseado no ideal democrático de liberdades individuais e orientado à defesa e manutenção dos valores da economia de mercado e da livre-iniciativa. Desde 1988 o IEE promove anualmente o Fórum da Liberdade – consagrado nacionalmente e considerado o maior evento liberal da América Latina.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please enter comment.
Please enter your name.
Please enter your email address.
Please enter a valid email address.
Please enter a valid web Url.